sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Olha no meu olho


Essa foto aí de cima, pra quem não sabe, é do disco "Todos os Olhos" do Tom Zé, que ele lançou nos idos de mil novecentos e reticências, durante a ditadura, época dos duplos sentidos e das mensagens subliminares. Reza a lenda que esse troço que parece um olho na capa é, na verdade, um grandissíssimo cu, que ele adornou com uma bolinha de gude e voilá! Aliás, reza a lenda nada, que ele próprio admitiu um tempo atrás que é um fiofó mesmo, de uma modelo que ele inclusive traçou depois. Maravilha. Coisa de gênio.

E aí, que pra não perder a metáfora, não sou gênio nem nada, mas ando meio que comparando minha vida com essa situação: pra quem olha en passant, parece uma visão magnífica; mas pra quem tá por dentro, não passa de um furico. E a gente ainda tem que agradecer que é só uma bolinha de gude...

4 comentários:

PE disse...

é...
poderia ser bem pior que uma simples bolinha de gude...

Marcelo Faccenda disse...

Uma bola de basquete enorme cheia de rugas.... Kkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!!!

drinha caeiro disse...

Eu achava bom vc me dar uma satisfação. I never saw it coming. Vc foi a PRIMEIRA pessoa que eu convidei pra padrinho (aliás, vc foi a primeira pessoa que soube, antes mesmo dos meus pais), no dia em que ele me pediu. Sinceramente, eu esperava um pouco mais. De qualquer maneira, beleza. Só passei mesmo pra te avisar que tô puta. Isto é, caso vc se interesse em saber. Se tiver a fim, me manda um email.

Marcelo Faccenda disse...

Entendo que vc esteja chateada. Tenho uma explicação só não tenho seu e-mail...